Skip to content

Huacachina, o oásis sul americano

13/06/2011

A imagem de um oásis no meio do deserto, cercado por dunas, com palmeiras e um lago bem no meio remete a países do Oriente Médio ou África. Mas bem próximo à cidade de Ica, no sudoeste peruano, existe um lugar exatamente assim. O seu nome é Huacachina, e está se tornando um dos destinos turísticos mais procurados do Peru.

Oásis de Huacachina / Huacachina Oasis

Oásis de Huacachina / Huacachina Oasis

Oásis de Huacachina / Huacachina Oasis

Oásis de Huacachina / Huacachina Oasis

Ica fica a cerca de 300 km ao sul de Lima e é capital do Departamento de mesmo nome. Está situada no deserto que se estende por todo o oeste do Peru, e pode ser alcançada por terra através da lendária Rodovia Panamericana. Com cerca de 250.000 habitantes, é uma cidade que guarda diversos exemplos da arquitetura colonial espanhola, principalmente igrejas.

Avenida Municipalidad ao anoitecer, em frente á  Praça de Armas (Plaza de Armas) / Municipalidad Avenue at evening, in front of Plaza de Armas

Avenida Municipalidad ao anoitecer, em frente á Praça de Armas (Plaza de Armas) / Municipalidad Avenue at evening, in front of Plaza de Armas

Edifício colonial em Huacachina / Colonial building in Huacachina

Edifício colonial em Huacachina / Colonial building in Huacachina

Uma das coisas que mais chama a atenção é a presença de grandes dunas bem no meio da cidade. E não menos inusitada é a presença de um oásis a apenas cinco quilômetros do centro, que é a principal atração turística local atualmente. Conhecido como Oásis de Huacachina, Laguna de Huacachina, ou simplesmente Huacachina, ele é procurado principalmente por turistas europeus, grande parte mochileiros, que estão percorrendo a rota que vai de Lima, passa por Nasca, que está 100 km ao sul, e Cusco, onde está a principal atração turística do Peru, Machu Pichu. Mas não é só a posição estratégica que explica o grande fluxo de turistas. Huacachina conta hoje com vários hotéis, pousadas, restaurantes, bares e uma vida noturna bem agitada. Além disso, vários empreendedores passaram a explorar a principal característica geográfica da região: o deserto de areia e suas incontáveis dunas.

Cidade de Ica vista de Huacachina / City of Ica viewed from Huacachina

Cidade de Ica vista de Huacachina / City of Ica viewed from Huacachina

Existem operadoras de turismo especializadas em passeios pelo deserto com tubulares, que são veículos parecidos com buggies, especialmente adaptados para andar na areia. Esses passeios são conduzidos por experientes pilotos, que transportam grupos de até nove pessoas em grande velocidade, subindo e descendo dunas que podem atingir centenas de metros de altura. É claro que existem paradas para curtir o visual, mas a grande sensação desses passeios é a adrenalina. As imensas dunas também são atrativos para praticantes de sandboard de todo o mundo, e esse é um dos melhores lugares do planeta para este esporte. Há diversos locais para se alugar pranchas, que também contam com instrutores e guias.

Veí­culo para tour no deserto / Vehicle for desert tour

Veí­culo para tour no deserto / Vehicle for desert tour

Veí­culo para tour no deserto / Vehicle for desert tour

Veí­culo para tour no deserto / Vehicle for desert tour

Sandboard no Deserto de Huacachina / Sandboarding on Huacachina Desert

Sandboard no Deserto de Huacachina / Sandboarding on Huacachina Desert

Sandboard no Deserto de Huacachina / Sandboarding on Huacachina Desert

Sandboard no Deserto de Huacachina / Sandboarding on Huacachina Desert

Deserto de Huacachina / Huacachina Desert

Deserto de Huacachina / Huacachina Desert

Veículo para tour no deserto / Vehicle for desert tour

Veículo para tour no deserto / Vehicle for desert tour

Uma das vantagens de se estar no deserto é que raramente chove, sendo que nos meses de maio a outubro essa possibilidade é bastante remota. No entanto é bom estar preparado para a mudança brusca de temperatura, que ocorre entre o dia quente e a noite fria.

Como Huacachina está a apenas cinco quilômetros da cidade, vale a pena dar uma passeada pelo centro histórico de Ica e conhecer a Praça de Armas, onde fica a Catedral, construída no século XVIII, e o edifício colonial onde funciona a Municipalidade, que é como se chama a prefeitura. Em volta da praça também existem diversos restaurantes de boa qualidade e bancos, onde se pode trocar moeda estrangeira por Nuevos Soles com segurança. Como em todas as cidades do Peru, o trânsito em Ica é caótico, com dezenas de moto táxis, típico veículo peruano, buzinando o tempo todo para chamar a atenção de possíveis passageiros na calçada. O moto táxi é o meio de transporte mais barato e cômodo para andar pela cidade, inclusive para voltar para Huacachina.

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Tráfego no centro da cidade de Ica / Traffic at Ica's downtown

Praça de Armas (Plaza de Armas) ao anoitecer / Plaza de Armas at evening

Praça de Armas (Plaza de Armas) ao anoitecer / Plaza de Armas at evening

Comércio na Rua Lima (Calle Lima), em frente à Praça de Armas / Commercial buildings on Lima Street (Calle Lima), in front of Plaza de Armas

Comércio na Rua Lima (Calle Lima), em frente à Praça de Armas / Commercial buildings on Lima Street (Calle Lima), in front of Plaza de Armas

Um detalhe que chama a atenção nas igrejas mais antigas são os danos provocados pelo terremoto de 2007, que causou diversas rachaduras e pequenos desabamentos nas estruturas externas. O curioso é que estas construções históricas parecem não ter sofrido qualquer tipo de reparo desde então.

De volta a Huacachina, com um pouco de sorte é possível presenciar alguma apresentação de dança ao som de um cajón, instrumento de percussão criado no Peru colonial pelos escravos. Cajón é uma palavra espanhola que significa caixa grande, e este instrumento se aprimorou a partir exatamente desse objeto, que era usado pelos escravos para tocar acompanhando suas músicas, já que os feitores os mantinham afastados de outros instrumentos musicais. Essas apresentações geralmente ocorrem no calçadão que circunda o lago, onde é possível também achar artesanato à venda. Neste calçadão também existem diversos restaurantes e bares, onde se pode encontrar bebidas e comidas típicas. A bebida mais famosa do Peru é o pisco, e a região de Ica é conhecida por produzir o melhor pisco do país. Ele é um aguardente feito à base de uva, bastante forte, mas muito saboroso. Vale experimentá-lo puro, ou compondo o famoso Pisco Sour, feito com limão, clara de ovo e açúcar.

Restaurante em Huacachina / Restaurant in Huacachina

Restaurante em Huacachina / Restaurant in Huacachina

Pessoas jovens realizando demonstração de dança típica em Huacachina / oung people doing dance exhibition in Huacachina

Pessoas jovens realizando demonstração de dança típica em Huacachina / oung people doing dance exhibition in Huacachina

Homem jovem tocando cajón, instrumento de percussão criado no Peru, em Huacachina / Young man playing cajón, a percussion instrument created in Peru, in Huacachina

Homem jovem tocando cajón, instrumento de percussão criado no Peru, em Huacachina / Young man playing cajón, a percussion instrument created in Peru, in Huacachina

Artesanato à venda em Huacachina / Handcraft to sell in Huacachina

Artesanato à venda em Huacachina / Handcraft to sell in Huacachina

À noite a diversão corre solta nos bares, pubs e casas noturnas, e o agito só termina próximo do nascer do sol, que pode ser visto do alto de uma das grandes dunas que cercam o oásis. Huacachina é um lugar mágico, que oferece diversão e entretenimento tanto para quem quer se hospedar num luxuoso hotel, quanto para os aventureiros que curtem ficar em um hostel, dividindo o quarto com pessoas de várias partes do mundo. A única exigência é disposição para aproveitar tudo o que o lugar tem para oferecer.

Cidade de Ica vista de Huacachina / City of Ica viewed from Huacachina

Cidade de Ica vista de Huacachina / City of Ica viewed from Huacachina

One Comment leave one →
  1. 12/10/2011 23:50

    Up early…field trip to Casco Viejo!!!!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: